2020 - Formação de Formadores Emagis
Nível 1, Módulo III

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • TRF4 no Flickr
  • Assine o RSS do TRF4

 

INSTITUIÇÃO REALIZADORA

 

PÚBLICO-ALVO

 

CARGA HORÁRIA

EMAGIS
Escola da Magistratura
do TRF da 4ª Região

            

 

Magistrados aptos a cursarem o Módulo III

 

20 horas-aula

 

MODALIDADE

 

LOCAL

 

PERÍODO

Presencial

 

Prédio-sede da Justiça Federal
em Santa Catarina

 

4 a 6 de março de 2020

 

 

Coordenação científica do curso

Desembargadora Federal Vânia Hack de Almeida

Membro da 3ª Turma do TRF4, graduada em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), Mestre em Instituições de Direito do Estado pela Pontifícia Universidade Católica do RS (PUC/RS). Formadora na EMAGIS e na ENFAM, com habilitação na formação de formadores.

Juíza Federal Taís Schilling Ferraz

Membro convocado da 6ª Turma do TRF4, graduada em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS,1991), mestre em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS, 2015), doutoranda em Ciências Criminais pela PUCRS, Juíza Federal no Rio Grande do Sul, especialista em Ensino Superior pela UNIASSELVI, professora de Direito Processual Civil e Conselheira do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária - CNPCP. Formadora na EMAGIS e na ENFAM, com habilitação na formação de formadores.

 


 Objetivos

Os objetivos do módulo 3 informam-se diretamente nas “Diretrizes pedagógicas da Enfam para formação e aperfeiçoamento de magistrados” (Brasília, 2017), buscando-se que o magistrado participante, ao final deste módulo, seja capaz de aplicar, “nas práticas e nos processos de ensino e aprendizagem, (...) desde o momento do planejamento até o da avaliação, as especificidades do público, promovendo-se comunicação pautada por diálogos e relações que motivem a autonomia e a construção do conhecimento de forma crítica. Isso requer estratégias de ensino que: visem substituir a certeza pela dúvida, a rigidez pela flexibilidade, a recepção passiva pela atividade permanente na elaboração de novas sínteses que possibilitem o exercício da magistratura com qualidade e rapidez de resposta; primem pela autonomia ética e estética, permitindo que o magistrado avance para além dos modelos preestabelecidos, mediante a criação de novas possibilidades de ação, fundadas em sólidos argumentos, revendo normas e jurisprudência.”

 


 Edital

Clique aqui para acessar o edital do curso.

 

 

Metodologia                     

O Módulo III será desenvolvido de forma presencial, com uso predominante de metodologias ativas e estratégias pedagógicas diversificadas, objetivando associar teoria e prática, socializar o conhecimento, desenvolver competências como formador, capacidade analítica e reflexiva. A utilização das diversas estratégias estará focada em estudo de caso, métodos interrogativos e exposição dialogada com uso de recursos de apresentação,além de técnicas como GV/GO, brainstorming, Phillips 66.

 

 

Programação

Clique aqui para acessar a programação do evento.

 

 

 

 

Voltar ao topo da página