NOVEMBRO AZUL

TRF4 lança campanha sobre prevenção às doenças masculinas

06/11/2020
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • TRF4 no Flickr
  • Assine o RSS do TRF4

Para incentivar os cuidados com a saúde masculina, a Divisão de Saúde do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em parceria com a Secretaria de Comunicação Corporativa da Corte, desenvolveu a campanha Novembro Azul 2020 a partir do conceito “Saúde é coisa de homem, sim!”. O foco, neste ano, é a divulgação de informações, pelos canais digitais do Tribunal, sobre a importância da atenção integral à saúde do homem. O Novembro Azul, iniciado em 2003 na Austrália, ocorre em alusão ao Dia de Combate ao Câncer de Próstata, lembrado em 17 de novembro.

“Independente de gênero, raça, posição social ou ideológica, com a saúde não se brinca e a prevenção é essencial. Os homens devem, sim, ter cuidados com sua saúde, indo ao médico regularmente, apresentando ou não sintomas, para revisões periódicas”, alerta o médico da Divisão de Saúde do TRF4 José Luiz da Costa Vieira.  

Vida saudável

Dados do Instituto do Câncer (Inca) apontam que o câncer de próstata lidera o ranking brasileiro na distribuição proporcional desse tipo de doença entre os homens, com 31,7% dos casos novos, enquanto o de pulmão ocupa o segundo lugar, com 8,7%. A cada dez homens com câncer de próstata diagnosticados, seis têm mais de 65 anos.

Outro câncer preocupante é o de intestino, que avançou fortemente no Brasil nas últimas décadas acompanhando o crescimento do percentual de pessoas com sobrepeso e obesidade no país. Segundo a pesquisa Proportion of cancer cases and deaths attributable to lifestyle risk factor in Brazil, elaborada pela Universidade de São Paulo (USP), a proporção de casos de câncer de intestino em homens brasileiros atribuídos a altos índices de massa corporal foi de 12,2%; ao tabagismo, de 12,1%; à dieta com baixo consumo de fibras, de 11,8%; e à falta de atividade física, de 11,1%.

“Para este, há uma medida preventiva eficaz bem definida que é a realização do exame de colonoscopia periodicamente após os 50 anos para a população em geral”, alerta Vieira.

De acordo com o Inca, controlar o peso, não fumar, praticar atividades físicas regularmente, manter uma dieta adequada e evitar bebidas alcoólicas são medidas recomendadas para a prevenção dos mais diversos tipos de câncer, bem como de doenças cardiovasculares.

Doenças silenciosas

Consultas regulares e exames preventivos podem prevenir doenças que, muitas vezes, são assintomáticas e garantir tratamentos adequados que assegurem qualidade de vida e bem-estar em todas as fases da vida.

Para uma vida saudável, é importante incentivar boas práticas e visitas regulares ao médico desde a infância, quando os meninos são acometidos frequentemente por problemas como fimose, infecção urinária e prostatite (inflamação da próstata), conforme o Instituto Lado a Lado pela Vida (LAL). Já na adolescência, cuidados redobrados devem ser adotados para evitar doenças sexualmente transmissíveis. Além disso, a Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas (Sobrac) alerta para a importância de se descartar a arritmia cardíaca nos adolescentes.

Na fase adulta, aponta o Instituto LAL, é mais comum o surgimento de doenças cardíacas e renais, além dos mais diversos tipos de câncer. Já na terceira idade, os cuidados precisam ser voltados à ocorrência de diabetes, hipertensão arterial, disfunção erétil e doenças neurológicas.