TRF4 |

Via Legal destaca o processo eletrônico da Justiça Federal da 4ª Região

02/12/2009 - 13h32
Atualizada em 02/12/2009 - 13h32
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • TRF4 no Flickr
  • Assine o RSS do TRF4
A transformação de processos de papel para arquivos de computador é destaque na edição que estreia hoje (2/12) no programa Via Legal. Analice Bolzan foi ver de perto todas as vantagens dessa mudança, que já é realidade nas salas de julgamento do Rio Grande do Sul. Além da economia gerada aos cofres públicos, as chamadas ações virtuais poupam o meio ambiente e beneficiam o cidadão, que recebe uma resposta bem mais rápida da Justiça.

O programa também aborda um tema que sempre gerou muita discussão: os exames psicotécnicos. Os testes geram desconfiança, principalmente pelo sigilo que envolve a elaboração e a correção das provas. De Brasília, Alessandra de Castro mostra que quem se sentir prejudicado, no caso de um concurso público, por exemplo, pode questionar no Judiciário a falta de objetividade e transparência do processo. Já os psicólogos, profissionais credenciados a aplicar os testes, não só defendem a avaliação, como atribuem ao segredo dos métodos utilizados o sucesso dos exames.

O Via Legal também trata dos direitos do cidadão quando o assunto é trânsito. Se não bastassem os congestionamentos intermináveis e a má conservação das vias, nas grandes cidades,  o motorista ainda é obrigado a conviver com a falta de vagas para estacionar o carro. Para não perder clientes, empresas e instituições até oferecem estacionamentos, mas fazem de tudo para se livrar da responsabilidade em caso de roubo ou furto. Juliano Domingues explica o que diz a legislação e em que casos é possível exigir a reparação dos danos.

O descaso com o patrimônio histórico também é tema de reportagem exibida nesta edição. Érica Resende foi a Santos, no litoral paulista, para mostrar a situação de uma fortaleza construída há mais de 400 anos. O tombamento, que virou regra em 1967, não conseguiu impedir o desgaste. Um trabalho que envolveu a Justiça Federal, representantes da comunidade e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) está garantindo a recuperação do espaço que hoje é uma referência para o município.

Fonte: Imprensa CJF

Dias e horários em que o Via Legal vai ao ar:

Na TV Justiça
Quarta-feira - 21h30min (inédito)
Sábado - 18h / Segunda-feira - 13h30min (reprises)

Na TVE/RS
Segunda - 7h30min

Na Rede TV Cultura
Sábado - 7h30min

Na TV Brasil
Sábado - 8h30min