TRF4 |

Via Legal mostra a luta de quem deixa o serviço militar com problemas psiquiátricos

26/03/2008 - 14h38
Atualizada em 26/03/2008 - 14h38
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • TRF4 no Flickr
  • Assine o RSS do TRF4

Uma realidade de desequilíbrio escondida pela imagem de ordem e disciplina. O Via Legal desta semana revela a luta de quem deixa o serviço militar com seqüelas psiquiátricas. O programa foi conhecer um ex-combatente de Porto Alegre que precisou recorrer aos tribunais para provar que o exército é responsável pela situação que ele se encontra.

O Via Legal ainda apresenta duas reportagens sobre o acesso à educação. Direto de São Paulo, o programa mostra uma decisão judicial que amplia o prazo para recebimento da pensão por morte. A data limite passa de 21 para 24 anos. A única exigência é que o beneficiário esteja na faculdade.

Em outra reportagem, o Via Legal retoma a discussão sobre o sistema de cotas nas universidades públicas. Em Minas Gerais, a Justiça Federal determinou a reserva de vagas para alunos que sempre freqüentaram escolas públicas. A decisão foi comemorada por muitos brasileiros que apesar de ajudarem a financiar a rede pública de ensino, quase sempre são obrigados a pagar caro para fazer um curso superior.

Direto do Rio de Janeiro, tem a história de um dos processos judiciais mais antigos do Brasil. A disputa é para saber se o Palácio Guanabara, que hoje abriga a sede do governo estadual é um patrimônio público ou a herança dos Orleans e Bragança. O programa mostra a polêmica que envolve o prédio que foi um dos maiores símbolos da monarquia no país.

No Rio Grande do Norte, a omissão do poder público causou uma epidemia de leishmaniose visceral ou mal de calazar. Durante quatro anos, a população carente de 15 municípios sofreu as conseqüências da doença. O Via Legal mostra uma das vítimas e explica porque o assunto chegou aos tribunais. 

Fonte: Cpjus/CJF

Dias e horários em que o Via Legal vai ao ar:

Na TV Justiça
Quarta-feira - 20h30 (inédito)
Sábado - 10h30 / Segunda-feira - 14h30 (reprises)
Nas TVs Cultura/SP e Paraná Educativa
Sábado - 8h
Na TVE Brasil e na TVE/RS
Sábado - 8h30